Capa: Anabela Branco de Oliveira, Ana Catarina Pereira,  Alfredo Taunay, Liliana Rosa e Nelson Araújo  (2020) Cinema e Outras Artes III - Diálogos e Inquietudes Artísticas. Communication  +  Philosophy  +  Humanities. .
Cinema e Outras Artes III - Diálogos e Inquietudes Artísticas

by Anabela Branco de Oliveira, Ana Catarina Pereira, Alfredo Taunay, Liliana Rosa e Nelson Araújo

Coleção: Ars
Ano da edição: 2020
ISBN: 978-989-654-666-3


Download PDF - 15463 KB


Sinopse

Cinema e Outras Artes assume-se como uma coleção de livros que tem como linha programática reunir investigações dedicadas à intersecção dos Estudos Fílmicos com outras formas de expressão artística, numa constante revisitação da expressão Sétima Arte

O terceiro volume, Cinema e Outras Artes III, retoma a profunda e eterna relação entre Cinema, Literatura e Poesia. A Pintura e os múltiplos processos criativos são também objeto de estudo em várias e valiosas contribuições.


Índice

Apresentação - 13

Um olhar no purgatório – Do azul da pintura ao azul do cinema - 17
Eduardo Paz Barroso

Parte 1 - Literatura e Poesia - 31

Bergman e Camus – um diálogo interrompido - 33
António Júlio Rebelo

“Pensas que é proibido morrer?” – Um olhar entre Mouchette, de Robert Bresson, e os “Poemas de Mouchette”, de João Miguel Fernandes Jorge - 47
Sofia Mota Freitas

O exílio de um escritor antifascista: A história de Carlo Levi no filme de Francesco Rosi - 61
Gaspare Trapani

A obra literária e cinematográfica O Vendedor de Passados, de José Eduardo Agualusa e Lula Buarque de Hollanda, no contexto da lusofonia e dos estudos dos elementos fílmicos - 71
Francisco Acioly de Lucena Neto e Natália Luiza Carneiro Lopes Acioly

Guel Arraes e a “estética do Cordel” no filme Romance (2008) - 85
Alfredo Taunay Colins

A proliferação dos vampiros durante as primeiras manifestações do gênero horror cinematográfico - 103
Juliana Porto Chacon Humphreys 

Parte 2 - Pintura - 123

Refutação de posição de Andrei Ujica e Boris Groys. Partilhas: cineastas-pintores/pintores-cineastas - 125

Carlos Alberto de Matos Trindade e Maria Elisa Coelho de Almeida Trindade

O impulso ecfrástico no filme-ensaio: uma análise a partir de Santiago, de João Moreira Salles - 147
Jorge Vaz Gomes

O Regresso – Exemplo de um filme em diálogo com outras artes - 161
Maria do Rosário Lupi Bello

O que procuram e encontram os pintores no cinema? - 177
Fausto Cruchinho

Reflexões em torno das possíveis referências artísticas para a reconstituição histórica no filme Os crimes de Limehouse, de Juan Carlos Medina - 193
Carlos Alberto de Matos Trindade

Mário Peixoto’s Limite|Limit (1931) in between avant-garde and modernism - 215
Juliana Froehlich 

Parte 3 - Processos Criativos - 237

Hello, this is my day today – dos Weather Diaries de George Kuchar à geração pós-internet - 239
Ana Luísa Azevedo 

A enciclopédia como arte cinematográfica: ensaio sobre um género impossível e indispensável - 259
Luís Nogueira

Alegorias fílmicas: uma proposta de análise dos filmes Nhá fala (Minha fala, 2002) e A república di mininus (A República das Crianças, 2012), de Flora Gomes - 273
Morgana Gama de Lima

Artist at work. La filmación del proceso creativo - 291
Elisenda Díaz Garcés

Cinema Português e Outras Artes: tecnologias, materiais e pessoas em trânsito - 307
André Rui Graça

Um “experimento sociológico” – o lugar de Brecht na história do cinema - 317
Maria Alzuguir Gutierrez

O dizer trágico em Hiroshima meu Amor (1959), de Alain Resnais - 331
Liliana Rosa

Um hipotexto da cultura audiovisual ciberpunk: a participação de Blade Runner no regime de representação ciberpunk - 345
André Malhado

A impossibilidade da dissonância total no extraordinário caso de Assurancetourix - 367
Paulo Dias

Fundamentação teórico-prática para uma pedagogia da audiovisão - 385
Pedro Florêncio

Autoria e Organização - 393

Apoio:
Fundação para a Ciência e a TecnologiaUnião EuropeiaQuadro de Referência Estratégico NacionalPrograma Operacional Factores de CompetitividadeUniversidade da Beira Interior
2020  ©  Communication & Arts